domingo, 2 de outubro de 2016

VI Ad Antiphonarii Aniversarium - Vencedor


Encerrou na passada sexta-feira à noite a votação VI Ad Antiphonarii Aniversarium. 
Os 58 votos distribuíram-se do seguinte modo:

Sois a Terra Escolhida, 
proposta por Diogo Figueiredo com 48 votos (83%), ficou em 1º

Um Para o Outro Fostes Criados
proposta por António Bastos com 6 votos (10%), ficou em 2º

Para Tudo Há Um Tempo
proposta por Vasco Silva com 4 votos (7%), ficou em 3º.

O texto da proposta vencedora está disponível AQUI. A partitura será publicada em breve.

Peço desculpa pelo atraso na publicação dos resultados. Às vezes a vida simplesmente acontece...

Obrigado a todos os que seguem e incentivam o Antiphonarium!
Um agradecimento especial aos corajosos que interpretam as minhas composições!

sexta-feira, 16 de setembro de 2016

VI Ad Antiphonarii Aniversarium - III Proposta


Diogo Manuel Abrantes FIGUEIREDO
Paróquia de Santa Maria Maior, Manteigas, Diocese da Guarda

SOIS TERRA ESCOLHIDA

Cântico de Comunhão do Comum de Nossa Senhora.


ANTÍFONA
Coro SATB e Órgão

Sois terra escolhida e preparada por Deus onde germina o Senhor,
O trigo em Vós semeado tornou-se o pão da vida e o vinho da alegria.

REFRÃO
Assembleia, Órgão, Violino e Flauta Transversal

Grandes coisas se dizem de Vós, ó Maria
De Vós nasceu o Sol da Justiça: Cristo nosso Deus.

ESTROFES
Coro SATB e Órgão

1. O Eterno Semeador lançou a semente na terra fértil,
Dela fez brotar o trigo, regado e fortificado pelo Espírito.
O Espírito a encheu e da terra nasceu um novo fruto,
O fruto mais delicioso, Jesus Cristo.

2. Assim Maria vos tornais a Terra da promessa,
Em Vós se cumpre a vontade de Deus.
Sois a videira que estende os seus ramos pela Terra,
E a onde eles chegam se derrama o vinho da misericórdia.

3. Sois a Mulher forte, a Mãe atenta
Em Canã intercedeis, e a água s transforma em vinho.
Pelo dom do Espírito, na ceia o vinho se transforma em sangue
No sangue gerado no vosso seio.

4. Na cruz vos tornais a Mãe da humanidade,
E todos nós renascemos por este mistério
Do lado do vosso filho saiu a água,
A água que nos torna vossos filhos.

5. Assim permanecemos em oração convosco,
Esperando a vinda daquele que em Vós fez morada.
Vós sois o templo do Espírito
Pedra viva da Igreja do vosso Filho.

Texto da Autoria de Diogo Figueiredo

VI Ad Antiphonarii Aniversarium - II Proposta


António Jorge Soares BASTOS
Paróquia de Vila Chã, Vale de Cambra, Diocese do Porto

UM PARA O OUTRO FOSTES CRIADOS

Cântico Processional para a 

Celebração do Sacramento do Matrimónio


ESTROFES
Solista e Órgão

1. Um para o outro fostes criados,
Mulher e homem e por Deus amados.
Sois a promessa do amor fecundo:
Em vós começa de novo o mundo.

2. Mulher e homem no casamento,
De alto mistério sois sacramento:
Sois viva imagem da unidade
De Jesus Cristo e a humanidade.

3. Um com o outro sois a Igreja
Que vive e cresce: Deus vos proteja!
Deus acrescente em vós a graça!
Semente viva de amor vos faça!

4. Do vosso amor, fonte, esperança,
A humanidade nasce criança.
Amor humano no amor divino:
Verbo de Deus feito menino.

5. Nós, as crianças, do amor nascemos:
Por nossos pais de Deus viemos!
Mulher e homem, louvai os céus:
Por nós, crianças fala-vos Deus.

REFRÃO
Coro SATB, Órgão, Trompete e Flauta Transversal

O vosso amor, continua a criação do Senhor:
Nasce de vós o futuro,
Vem como o fruto da flor.

Texto da Autoria de F. Melro

VI Ad Antiphonarii Aniversarium - I Proposta



Vasco Nuno da Silva OLIVEIRA
Comunidade da Serra do Pilar, Diocese do Porto

PARA TUDO HÁ UM MOMENTO

Cântico de Ofertório ou Pós-Comunhão


REFRÃO
Coro SATB, Órgão, Violoncelo e Flauta Transversal

Para tudo há um momento e um tempo
Para cada coisa que se deseja debaixo do céu.

ESTROFES
Solista, Coro SATB, Órgão, Violoncelo e Flauta Transversal

1. Tempo para nascer e tempo para morrer,
Tempo para plantar e tempo para arrancar o que se plantou.
Tempo para matar e tempo para curar,
Tempo para destruir e tempo para edificar.

2. Tempo para chorar e tempo para rir,
Tempo para se lamentar e tempo para dançar.
Tempo para atirar pedras e tempo para as juntar,
Tempo para abraçar e tempo para evitar o abraço.

3. Tempo para procurar e tempo para perder,
Tempo para guardar e tempo para atirar fora.
Tempo para rasgar e tempo para coser,
Tempo para calar e tempo para falar.

4. Tempo para amar e tempo para odiar,
Tempo para a guerra e tempo para a paz.

Texto do Livro do Eclesiastes (Ecl 3,1-8) 


E completa-se mais um aniversário do Antiphonarium!!!

Já passaram seis anos e embora os últimos não tenham sido os mais produtivos, o Antiphonarium está aqui para durar enquanto Deus assim quiser.

Para celebrar este dia, abrimos a segunda fase do Ad Antiphonarii Aniversarium. Eis as três propostas:

PARA TUDO HÁ UM MOMENTO - Cântico de Ofertório ou Pós-Comunhão para coro SATB, Órgão, Violoncelo e Flauta Transversal, proposto por Vasco Oliveira da Comunidade da Serra do Pilar, Diocese do Porto.

UM PARA O OUTRO FOSTES CRIADOS - Cântico Processional para a Celebração do Sacramento do Matrimónio para Coro SATB, Órgão, Trompete e Flauta Transversal, proposto por António Bastos da Paróquia de Vila Chã, Diocese do Porto.

SOIS TERRA ESCOLHIDA - Cântico de Comunhão do Comum de Nossa Senhora para Coro SATB, Órgão, Violino e Flauta Transversal, proposto por Diogo Figueiredo da Paróquia de Santa Maria Maior de Manteigas, Diocese da Guarda.

A votação este ano é através da nova página do Facebook do Antiphonarium. Basta clicar "gosto" na publicação das três propostas. Ganhará a proposta com mais mais reações positivas até à meia-noite de 30 de setembro.

Obrigado a todos pela paciência, pelo apoio, pelo incentivo!
Espero continuar a ajudar a melhor celebrar e viver a Fé através da música!